SOBRE
Osvaldir Castro
Biólogo e Winemaker, ministrando cursos e palestras sobre Vinho (como hobby) e participando de várias confrarias onde, com os amigos, compartilha e troca informações referentes ao tema. Lema: como bom enófilo, Diante de decisões, tomo o vinho.

Quinta do Alem Tanha Vinhas Velhas 2004

GE DIGITAL CAMERA

A família Nunes de Matos explora 4 quintas com vinhas, localizadas num raio de 5km da Régua na região do Douro, das quais a mais antiga é a Quinta da Varanda adquirida em 1685, sendo também uma das mais antigas da região. Em 1730, um dos filhos da casa casou-se, e mandava a tradição que a  noiva levasse um dote. Foi assim que a  Quinta do Torrão passou a pertencer a Família. A  Quinta da Fírvida e Além Tanha foi comprada em 1940, enquanto a Quinta dos Avidagos, onde fica  casa principal e o lagar, foi adquirida em 1978. Em 1999 procedeu-se a construção de uma adega com os mais recentes avanços tecnológicos que   permite produzir vinhos de qualidade. Ao mesmo tempo o antigo armazém para Vinhos do Porto foi remodelado para poder servir também de local de estagio para as barricas. A Quinta dos Avidagos tem uma gama extensa que vai do Avidagos Branco , Rosé e Tinto ao Quinta dos Avidagos Reserva Tinto , Quinta do Além Tanha Tinto e Quinta dos Avidagos Grande Reserva Tinto.

Quinta do Além Tanha Vinhas Velhas 2004

Uva: Tinta Barroca (20%), Tinta Roriz (15%), Tinta Amarela (10%), Touriga Franca (15%) e Tinta Carvalhada (15%), Grand Noir (15%) e Rufete (10%), da vinha Fírvida e do Além Tanha, das primeiras Quintas de Ribacorgo com mais de 60 anos de idade

Amadurecimento: barricas de carvalho durante 14 meses, sem filtração

Teor Alcóolico: 14,5%

País: Portugal

Região: Douro

Vinícola: Quinta dos Avidagos

Preço: R$ 159,90 na Comprevinhos

A coloração é de um rubi intenso com discreto halo de evolução. Aromas abertos e elegantes com fruta madura (amora preta, cereja,ameixa) , compota de figo, tons de chocolate e capuccino, leve floral e balsâmico sobre um fundo que lembra licor de cereja. Na boca apresenta taninos firmes, acidez integrada, boa expressão de fruta com concentração e algo de mineral, que persiste no longo final frutado.

Avaliação: 89 Pontos

Observação: Nune de Matos junta enologia de vanguarda com a tradicional pisa a pé, em lagares de granito. A proposta é a produção de vinhos de qualidade, com boa relação de custo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.