SOBRE
Osvaldir Castro
Biólogo e Winemaker, ministrando cursos e palestras sobre Vinho (como hobby) e participando de várias confrarias onde, com os amigos, compartilha e troca informações referentes ao tema. Lema: como bom enófilo, Diante de decisões, tomo o vinho.

Langmeil Hangin’Snakes Shiraz Viognier 2013

20200929_164036

Christian Auricht havia migrado da Prússia em 1838 em busca de liberdade religiosa para sua família no novo mundo.Ferreiro de profissão, com apenas 36 anos de idade, Auricht e sua família se mudaram pela quinta vez em sete anos – de Klastawe para Turowo em 1837; para Hamburgo em 1838; para a Austrália do Sul e Glen Osmond em 1839; para Klemzig em 1840 e, finalmente, para Langmeil – sua casa para o resto de suas vidas. Christian plantou, em 1843,  um acre de videiras Shiraz na propriedade, legado  que sobrevive hoje no vinhedo Freedom, considerado o vinhedo Shiraz mais antigo do mundo. Theodor Hanisch fundou a primeira vinícola na propriedade em 1932, operando com o nome de Paradale. Ele era o filho mais novo de Eleonore Auricht, a segunda filha de Christian Auricht. O filho de Theodor, Arthur, posteriormente administrou a vinicola.Theodor morreu em 1968 e Arthur faleceu apenas um ano depois, em 1969. Após a morte de Arthur Hanisch em 1969, a família vendeu a propriedade, em 1972, para a Bernkastel Wines. A vinicultura da Austrália passou por momentos difíceis e a Bernkastel Wines entrou em liquidação em 1988. Comprados na liquidação, os novos proprietários não operavam a vinícola, mas usavam a porta da adega para vender estoques. As portas foram fechadas em agosto de 1993 e a propriedade e os vinhedos permaneceram inativos até 1996. Três amigos locais compraram a propriedade: Richard Lindner, Carl Lindnere Chris Bitter. Restauraram os prédios antigos, bem e fizeram o paisagismo do terreno. O trio renovou a antiga vinícola e deu-lhe o nome de Langmeil em homenagem à vila original de 1842. Na limpeza antes da restauração, um pequeno pedaço de vinhas Shiraz velhas da plantação de Auricht em 1843 foi descoberto.A tarefa mais importante era resgatá-los e, após vários meses de terno e amoroso cuidado, o vinhedo foi revivido com sucesso e chamado de Liberdade. Depois de uma viticultura cuidadosa, a primeira colheita de Langmeil no vinhedo Freedom foi em 1997. Em 1998 a vinícola comprou sua propriedade em Lyndoch conhecida como Jackamans, em homenagem a Arthur Jackaman, o proprietário anterior, onde existiam as vinhas velhas de Cabernet,Ggrenache e Shiraz. Em 2011, Richard e Shirley Lindner compram a Langmeil Winery ,com seus filhos, Paul (Enólogo Chefe) e James (Vendas e Marketing), garantindo que Langmeil continue sendo propriedade de uma família por gerações.Atualmente, a vinificação de Langmeil é reconhecida internacionalmente e é considerada um dos produtores de vinho premium de Barossa, atraindo visitantes de todos os cantos do mundo para visitar a adega e os jardins restaurados da vila.

No rótulo Hangin’ Snakes busca inspiração na francesa Côte-Rôtie, acrescentando à sua casta de excelência uma pequena parcela de Viognier.

Langmeil Hangin’Snakes Shiraz Viognier 2013 – elaborado com 96% Shiraz e 4% Viognier, com 18 meses de maturação em carvalho, que mescla barricas francesas (90%) e americanas (10%).Teor Alcoólico de 14,5%.A coloração é de um granada intenso e brilhante. Os aromas mostram amora, ameixa, especiarias, alcaçuz, baunilha e algo floral. Na boca apresenta bom corpo, taninos firmes, acidez suculenta, repetindo as sensações do olfato. Longo final frutado com o alcaçuz se mostrando. Avaliação: 91/100 Pontos. Preço: R$ 159,90, na Vinum Day.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.