SOBRE
Osvaldir Castro
Biólogo e Winemaker, ministrando cursos e palestras sobre Vinho (como hobby) e participando de várias confrarias onde, com os amigos, compartilha e troca informações referentes ao tema. Lema: como bom enófilo, Diante de decisões, tomo o vinho.

Degustação de José Maria da Fonseca do sábado na Bekaa

20180825_111321

Uma degustação especial,  com os vinhos da portuguesa José Maria da Fonseca,  marcou este sábado na Bekaa. Sob o comando de Sérgio Musolino, foram degustados vinhos oferecidos a preços especiais aos participantes, como tradicionalmente a Bekaa faz nas degustações do sábado. Vamos aos vinhos.

A José Maria da Fonseca (JMF) tem mais de 180 anos. Com 650 hectares de vinhas, distribuídos entre a Península de Setúbal, Alentejo e o Douro, e um moderno centro de vinificação com uma capacidade de 6,5 milhões de litros, a JMF é uma das empresas de referência em Portugal. A José Maria da Fonseca exerce a atividade vinícola desde 1834, fruto da paixão partilhada de uma família que tem sabido preservar e projetar a memória e o prestígio do seu fundador. Consciente da responsabilidade der ser, na atualidade o mais antigo produtor de vinho de mesa e de Moscatel de Setúbal em Portugal, a José Maria da Fonseca obedece a uma filosofia de permanente desenvolvimento, o que a leva a investir sempre mais em suportes de investigação e de produção, aliando as mais modernas técnicas ao saber tradicional. Exemplo disso mesmo é a Adega José de Sousa Rosado Fernandes, em Reguengos de Monsaraz, no Alentejo, onde a tradição romana de fermentar em potes de barro se mantém a par da última tecnologia.

José de Sousa 2015 – elaborado com 50% Grand Noir, 32% Trincadeira e 18% Aragonês  ,  com amadurecimento de 9 meses em barricas francesas  e americanas. Teor Alcoólico de 14%. A coloração é de um rubi intenso, com muito brilho. Os aromas mostram frutas negras, especiarias, baunilha e leve toque de tabaco. Na  boca apresenta um bom corpo, repetindo as sensações do olfato, com taninos suaves e acidez pontual bem integrada. Bom final onde a baunilha se mostra. Avaliação: 91/100 Pontos. Preço: R$ R$ 103,00.

Ripanço 2016 – elaborado com 48% de Syrah, 32% de Aragonês e 20% de Alicante Bouschet, com amadurecimento de 6 meses em carvalho francês e americano, ambos novos. A coloração é de um rubi intenso e brilhante. Os aromas mostram fruta vermelha e preta, notas defumadas e leve caramelo. Na boca apresenta um corpo médio,  acidez vivaz, taninos macios e álcool levemente alto. Bom final com o toque defumado se mostrando. Observação: o nome Ripanço refere-se a utilização de uma técnica antiga, que consiste no desengace manual das uvas em uma mesa especial (mesa de ripanço), evitando, assim, os taninos mais duros do engaço. Avaliação: 90/100 Pontos. Preço: R$ 91,00.

Alambre Moscatel de Setubal – elaborado com 100% Moscatel de Setubal . sendo a fermentação  interrompida com a adição de aguardente vínica, tendo uma maceração pelicular de 5 meses. Envelhecimento em cascos ou tonéis de madeira usada. Sem estágio de garrafa pois não evolui após o engarrafamento. Teor Alcoólico de 17,5%. A coloração é de um topázio dourado, com muito brilho. Os aromas mostram rutos secos, caramelo, pêra e manga. Na boca apresenta-se frutado, com  acidez equilibrada e macio, com o caramelo presente, permanecendo no longo e agradável final. Avaliação: 90/100 Pontos. Preço: R$ 100,00.

Albis Branco 2016 – elaborado com Moscatel de Setúbal e Arinto, com amadurecimento de 3 meses em cubas de inox. Teor Alcoólico de 12,5%. A coloração é de um amarelo limão, com muito brilho. Os aromas mostram abacaxi, carambola, lichia, cítricos e flor de laranjeira. Na boca apresenta acidez pontual, com frescor, repetindo o frutado do olfato. Bom final frutado, com o toque floral se mostrando. Avaliação: 89/100 Pontos. Preço: R$ 84,00.

J de José de Sousa 2014 – elaborado com 60% Grand Noir, 28% Touriga Francesa e 12% Touriga Nacional, de vinhedos em Reguengos de Monsaraz, Évora, Alentejo. O esmagamento das uvas para extração do mosto é feito com os pés num pequeno lagar para evitar que as sementes se rompam e forneçam ao vinho taninos de má qualidade. A fermentação de parte do vinho acontece em lagares, a outra parte em ânforas de barro durante oito dias, seguido de 2 semanas de contato pelicular. Amadurecimento de 14 meses em barricas francesas novas. Sem filtração. Teor Alcoólico de 14,4%. A coloração é de um rubi intenso com nuances violáceas. Os aromas mostram cassis, amora, pimenta preta,toques  florais  e minerais, chocolate, torrefação e coco. Na boca apresenta um bom corpo, concentrado, potente, complexo, com taninos elegantes e muito equilíbrio. Longo final, com muita fruta e mineral presente. Avaliação: 93/100 Pontos. Preço: R$ 311,00.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.